InícioRegistrar-seLogin
Compartilhe | 
 

 DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Flávio Guimarães



Masculino Mensagens: 617
Data de nascimento: 30/04/1963
Data de inscrição: 22/04/2012
Idade: 50
Localização - Cidade/Estado: Porto Alegre - RS

MensagemAssunto: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Dom Abr 29, 2012 12:05 am

Fermento químico X fermento biológico

O fermento é um ingrediente muito utilizado
na cozinha. Graças a ele, podemos provar alimentos macios, de digestão
fácil e sabor agradável.
Quando é adicionado à massa, ocorrem
vários processos (químicos ou biológicos), que acabam produzindo
compostos gasosos.
Esses gases expandem a massa dos pães e
bolos e dão origem a pequenos buracos, que a torna macia. A diferença
entre os fermentos químico e biológico está em sua composição: o químico
é constituído de bicarbonato de sódio (NaHCO3); e o biológico apresenta
um fungo do tipo levedura.
No fermento químico, as reações de
decomposição ocorrem quando o bicarbonato gera gás carbônico e água,
fazendo com que a massa aumente seu volume.
Essa reação é auxiliada pelo aumento de
temperatura e só cessa quando todo o fermento reage.
Já o fermento biológico, para reagir,
precisa de glicose, que alimenta a levedura: o fungo ingere a glicose, e
seu metabolismo a transforma em gás carbônico e álcool, que, com o
calor, expande a massa.
Porque o fermento biológico é formado
por um organismo vivo, as condições de produção da massa devem ser mais
controladas: a temperatura, por exemplo, precisa estar entre de 30 a
50°C — é por isso que deixamos a massa feita com fermento biológico
crescer antes de ser assada, enquanto a que é produzida com fermento
químico deve ir logo ao forno.

Fermentos Químicos
Os fermentos
químicos destinam-se a ser empregados no preparo de pães especiais,
broas, biscoitos, bolachas e produtos afins de confeitaria.

Fermento químico é o produto formado de
substância ou mistura de substâncias químicas que, pela influência do
calor e/ou umidade, produz desprendimento gasoso capaz de expandir
massas elaboradas com farinhas, amidos ou féculas, aumentando-lhes o
volume e a
porosidade.
É composto de Ácidos,Bicarbonatos,
Carbonatos, Dihidrogenos, etc. além de substâncias próprias para uso
alimentar, tais como: açúcares, farinhas, amidos, féculas, enzimas , etc.

No rótulo consta a seguinte
recomendação: "Conserve ao abrigo da umidade" ou "Conserve em ambiente
seco", ou expressões equivalentes, por isso não coloque na
Geladeira.

O que é fermento biológico?
Fermento
biológico ou levedura é um microorganismo vivo cuja denominação
científica é Saccharomyces cerevisiae.


Trata-se de um ingrediente
imprescindível na panificação, pois é o responsável pelo crescimento da
massa de pães e pizzas.
Qual a diferença entre
fermento químico e fermento biológico?

O Fermento Químico ( em pó) é o
responsável pelo crescimento das massas de bolo, que ocorre através de
uma reação química durante o forneamento.

Já o Fermento Biológico (tabletinho)
promove o crescimento das massas de pães através da fermentação que
ocorre antes do forneamento.

A levedura ingere os nutrientes da
massa e, como conseqüência, libera gases e substâncias aromáticas,
responsáveis pelo volume, textura, aroma e sabor característicos dos
pães.

Por este motivo é sempre necessário
deixar a massa descansar após sovar e antes de ir ao forno.
Fonte: Mariza Plácido - Bem Feitinho
Voltar ao Topo Ir em baixo
Administrador do Fórum
Admin


Mensagens: 697
Data de inscrição: 15/04/2012

MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Ter Out 16, 2012 6:21 pm

Amigos (as),

Prosseguindo no assunto Fermento, vamos ver agora a diferença entre o Fermento Biológico Fresco e o Fermento Biológico Seco.

Vou adicionar um texto bem humorado do Chef. Marcio Lopes, que nos explicará as diferenças existentes entres os dois tipos de apresentação do Fermento Biológico

Abç

Flávio


Informações sobre Fermento Biológico Fresco e Seco.






Sempre me perguntam. Qual a diferença entre o fermento biológico fresco e fermento seco instantâneo?

Primeiramente gostaríamos de deixar claro que ambos os fermentos são da mesma família de micro organismos unicelulares. Assim como meu nome é Marcio Lopes, o destes indivíduos é Sacharomises Cerevisiae. Gostaram do nome bem simpático.
Ambos necessitam de três elementos indispensáveis para sua boa sobrevivência e bom resultado de fermentação.

São estes os três elementos:
- Açúcares
- Temperatura: de 23 à 28º C na massa depois de pronta.
- Umidade: massas mais moles(úmidas)desenvolvem ou cressem melhor e mais rápido que as Outras.

A única diferença mais significativa entre um fermento e outro, esta no conteúdo de água de um e de outro. Vejamos conteúdo de água: o fermento biológico fresco contem de 72 à 75% enquanto o fermento biológico seco e instantâneo contem de 1 à 4%.

Podemos dizer que o “Sacharomisie Cerevisiae” fresco foi acondicionado (guardado) pelo fabricante em água e amido para sustentá-la e formar massa, para ser embalado e transportado até as padarias onde deverão ser armazenado sob refrigeração para sua conservação. Caso contrario imagine o entregador de fermento chegando em seu estabelecimento e entregando-lhe aproximadamente 5.000.000.000 de micro organismos para você utilizar em 50 quilos de farinha.

E como calcular ou contar estes Sacharomicies, a medida que são necessários 1.500 para cada grama de farinha, uma vez que este numero tão grande de população cabe em nossa unha mínima!!!
Também pôr esta razão surgiu a necessidade de “guardá-los” em um volume maior para facilitar seu manuseio e calculo sobre a farinha a ser utilizada.

Pelo fato do fermento seco conter menos água e estar embalado a vácuo, (embalagem sem ar ou oxigênio) dispensa a utilização do frio para sua conservação quando ainda na embalagem fechada. É bom ressaltar que o fermento seco não só contem menos água, mas também amido. Outro lembrete, o fermento seco pode ser instantâneo ou não.

Quando não instantâneo, isto quer dizer que embora seco e com menos água e amido, ele necessita ser reativado antes de ser utilizado nas massas em geral.
Mas isto é um capitulo a parte já que o uso do fermento apenas seco, esta em desuso pela sua falta de praticidade.

Quem está acostumado a utilizar o fermento fresco, deverá fazer algumas continhas e tomar alguns cuidados adicionais para ter o mesmo sucesso anterior ao fazer uso deste outro.

Vejamos quais são estas continhas e quais são estes pequenos cuidados.

Conversão: chamamos de conversão o calculo que devemos que fazer para substituir com precisão uma quantidade de fermento fresco pôr fermento instantâneo para obter a mesma qualidade de fermentação daquele.

Exemplo: 100 g de fermento seco instantâneo equivale à 300 g de fermento fresco ou 300 g de fermento fresco pode ser substituído pôr 100 g de fermento seco instantâneo.
Para simplificar, você divide a quantidade de fermento fresco a ser utilizado em sua receita pôr 3 e usa uma parte do instantâneo assim: 180 g de fermento biológico fresco, dividido pôr 3 são iguais a 60 g do fermento seco instantâneo.

Cuidados: nunca misture o fermento seco instantâneo com água gelada antes de a massa estar em formação, misturar sempre o fermento seco instantâneo com a farinha antes de jogar a água gelada em qualquer tipo de amassadeira. Ou na mão mesmo.

Estas regras valem para tanto para amassadeiras rápidas de uma só velocidade como para as semi-rápidas de duas velocidades ou lentas.

Nota importante: alguns fabricantes de fermento seco instantâneo recomendam adicioná-lo na massa em formação, mas tenho obtido ótimos resultados adicionando-o na farinha, principalmente em amassadeiras rápidas.

Experimente e entre na modernidade !!!

Você entendeu sobre fermento biológico para Pães e Pizzas?

Se há dúvidas, basta postar uma mensagem com sua pergunta.

Voltamos com mais detalhes e dicas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://falandodepizzas.forumeiros.com
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Dom Nov 04, 2012 2:53 pm

O PAU QUE DA NO CHICO TAMBÉM DA NO FRANCISCO......

ABRAÇO

NILSON
Voltar ao Topo Ir em baixo
Administrador do Fórum
Admin


Mensagens: 697
Data de inscrição: 15/04/2012

MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Seg Nov 05, 2012 10:56 pm

PIZZARIA TOATOA escreveu:
O PAU QUE DA NO CHICO TAMBÉM DA NO FRANCISCO......

ABRAÇO

NILSON

Nilson,

Antes de entrar para mundo das pizzas, achava que fermento fresco era um elemento muito instável da culinária

Por sorte (pelo menos para mim ....), resolveram lançar o Fermento Seco Instantâneo.

Principais virtudes em minha opinião.

- Armazenagem longa, mesmo depois de aberto;
- O item acima, permite que se adquira uma maior quantidade sem medo algum de perdê-la, tornando o custo quase desprezível no computo geral da redonda;
- Facilita o controle de dosagem, permitindo uma uniformidade de resultado.

Sou fã de carteirinha. Único senão é referente aos fornecedores deste produto.
Depois de muitos testes, não arrisco mais. Marca líder e pronto. Sem aventuras.

Você já usou o Fermento Seco Instantâneo alguma vez ????
Não teve bom resultado????


Abç

Flávio
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://falandodepizzas.forumeiros.com
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Sex Jan 18, 2013 2:37 pm

Admin escreveu:
Amigos (as),

Prosseguindo no assunto Fermento, vamos ver agora a diferença entre o Fermento Biológico Fresco e o Fermento Biológico Seco.

Vou adicionar um texto bem humorado do Chef. Marcio Lopes, que nos explicará as diferenças existentes entres os dois tipos de apresentação do Fermento Biológico

Abç

Flávio


Informações sobre Fermento Biológico Fresco e Seco.






Sempre me perguntam. Qual a diferença entre o fermento biológico fresco e fermento seco instantâneo?

Primeiramente gostaríamos de deixar claro que ambos os fermentos são da mesma família de micro organismos unicelulares. Assim como meu nome é Marcio Lopes, o destes indivíduos é Sacharomises Cerevisiae. Gostaram do nome bem simpático.
Ambos necessitam de três elementos indispensáveis para sua boa sobrevivência e bom resultado de fermentação.

São estes os três elementos:
- Açúcares
- Temperatura: de 23 à 28º C na massa depois de pronta.
- Umidade: massas mais moles(úmidas)desenvolvem ou cressem melhor e mais rápido que as Outras.

A única diferença mais significativa entre um fermento e outro, esta no conteúdo de água de um e de outro. Vejamos conteúdo de água: o fermento biológico fresco contem de 72 à 75% enquanto o fermento biológico seco e instantâneo contem de 1 à 4%.

Podemos dizer que o “Sacharomisie Cerevisiae” fresco foi acondicionado (guardado) pelo fabricante em água e amido para sustentá-la e formar massa, para ser embalado e transportado até as padarias onde deverão ser armazenado sob refrigeração para sua conservação. Caso contrario imagine o entregador de fermento chegando em seu estabelecimento e entregando-lhe aproximadamente 5.000.000.000 de micro organismos para você utilizar em 50 quilos de farinha.

E como calcular ou contar estes Sacharomicies, a medida que são necessários 1.500 para cada grama de farinha, uma vez que este numero tão grande de população cabe em nossa unha mínima!!!
Também pôr esta razão surgiu a necessidade de “guardá-los” em um volume maior para facilitar seu manuseio e calculo sobre a farinha a ser utilizada.

Pelo fato do fermento seco conter menos água e estar embalado a vácuo, (embalagem sem ar ou oxigênio) dispensa a utilização do frio para sua conservação quando ainda na embalagem fechada. É bom ressaltar que o fermento seco não só contem menos água, mas também amido. Outro lembrete, o fermento seco pode ser instantâneo ou não.

Quando não instantâneo, isto quer dizer que embora seco e com menos água e amido, ele necessita ser reativado antes de ser utilizado nas massas em geral.
Mas isto é um capitulo a parte já que o uso do fermento apenas seco, esta em desuso pela sua falta de praticidade.

Quem está acostumado a utilizar o fermento fresco, deverá fazer algumas continhas e tomar alguns cuidados adicionais para ter o mesmo sucesso anterior ao fazer uso deste outro.

Vejamos quais são estas continhas e quais são estes pequenos cuidados.

Conversão: chamamos de conversão o calculo que devemos que fazer para substituir com precisão uma quantidade de fermento fresco pôr fermento instantâneo para obter a mesma qualidade de fermentação daquele.

Exemplo: 100 g de fermento seco instantâneo equivale à 300 g de fermento fresco ou 300 g de fermento fresco pode ser substituído pôr 100 g de fermento seco instantâneo.
Para simplificar, você divide a quantidade de fermento fresco a ser utilizado em sua receita pôr 3 e usa uma parte do instantâneo assim: 180 g de fermento biológico fresco, dividido pôr 3 são iguais a 60 g do fermento seco instantâneo.

Cuidados: nunca misture o fermento seco instantâneo com água gelada antes de a massa estar em formação, misturar sempre o fermento seco instantâneo com a farinha antes de jogar a água gelada em qualquer tipo de amassadeira. Ou na mão mesmo.

Estas regras valem para tanto para amassadeiras rápidas de uma só velocidade como para as semi-rápidas de duas velocidades ou lentas.

Nota importante: alguns fabricantes de fermento seco instantâneo recomendam adicioná-lo na massa em formação, mas tenho obtido ótimos resultados adicionando-o na farinha, principalmente em amassadeiras rápidas.

Experimente e entre na modernidade !!!

Você entendeu sobre fermento biológico para Pães e Pizzas?

Se há dúvidas, basta postar uma mensagem com sua pergunta.

Voltamos com mais detalhes e dicas.


MANDEI UM UP....DEVIDO A QUALIDADE DO TÓPICO...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Celia Anahin



Feminino Mensagens: 48
Data de nascimento: 09/07/1961
Data de inscrição: 25/02/2013
Idade: 52
Localização - Cidade/Estado: Natal RN

MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Seg Fev 25, 2013 9:44 pm

Alguém já fez pizza com Levain? Não falo de Levain de 150 anos, rs... Mas estou curiosa para saber se alguém já se aventurou a criar esse "bichinho" durante algum tempo e depois testá-lo em massas de pizza.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Seg Fev 25, 2013 10:13 pm

Celia Anahin escreveu:
Alguém já fez pizza com Levain? Não falo de Levain de 150 anos, rs... Mas estou curiosa para saber se alguém já se aventurou a criar esse "bichinho" durante algum tempo e depois testá-lo em massas de pizza.

PARA CONTRIBUIR COM ESTAS CURIOSIDADES ...VOU POSTAR PARA OS MEMBROS CONHECEREM O FERMENTO LEVAIN..

Levain

Consiste basicamente na obtenção de uma massa de farinha e água que, exposta ao ar, seja contaminada por microorganismos dispersos no ambiente. Esses microorganismos vão encontrar nesta massa um ótimo meio de crescimento e desenvolvimento, ocasionando uma série de fermentações não controláveis diferentes de quando utilizamos o fermento biológico em qualquer das suas apresentações comerciais.
Essas fermentações incontroláveis vão à maioria das vezes produzir gás carbônico e alguns ácidos, sendo os mais comuns o acético e o lático.
Depois de um certo tempo de incubação esta massa infectada por microorganismos tem condições de servir de fermento, ou seja, de agente de crescimento para outras massas



Fermentação natural

A utilização do fermento natural se dá em casos muito específicos pois normalmente agrega um sabor ácido incomparável ao produto final.
O segredo para manter o levain ou fermento natural é alimentá-lo com farinha fresca e água, fornecendo os nutrientes e açúcares necessários para que a flora microbiológica tenha condições de se reproduzir e se manter viva. Retiramos parte do fermento para utilização e completamos com farinha e água na mesma proporção da massa retirada. A isto damos o nome de reforma do fermento natural.


Fermentação a frio

A fermentação é uma etapa decisiva no fabrico do pão. Consiste na ação das leveduras ou fermento ao consumirem o açúcar presente transformando-o em álcool e gás carbônico. Por este motivo é denominada de fermentação alcoólica.
Produtos obtidos na fermentação:
. gás carbônico que provoca ao mesmo tempo o crescimento da massa e a formação de alvéolos no seu interior.
. álcool, que será eliminado quando o produto for assado.
. mais de 40 compostos orgânicos que conferem sabor e aromas típicos do pão.
Quanto mais lento o processo de fermentação, o pão terá melhor sabor, aroma e maior durabilidade.
Na massa além da fermentação alcoólica ocorrem em maior ou menor proporção outros tipos de fermentações desenvolvidas por outros microorganismos, formando ácido láctico e acético.

FONTE...http://cuecasnacozinha.com.br/2012/02/o-levain-e-a-fermentacao-a-frio/
Voltar ao Topo Ir em baixo
Celia Anahin



Feminino Mensagens: 48
Data de nascimento: 09/07/1961
Data de inscrição: 25/02/2013
Idade: 52
Localização - Cidade/Estado: Natal RN

MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Ter Fev 26, 2013 5:53 pm

Nilton, obrigada por postar o link sobre o Levain. Eu já tinha lido sobre isso e fiquei curiosa para saber se alguém utiliza em pizzaria. Eu acho muito complicado, aliás, a gente tem que ter um super cuidado com esse fermento para o bicho não morrer. Não sei se tenho memória ou paciência para ficar cuidando de mais um "bebê", rs. Mas com certeza deve agregar mais sabor ao pão. Quanto a pizza, ainda não li nada a respeito.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Ter Fev 26, 2013 9:58 pm

Celia Anahin escreveu:
Nilton, obrigada por postar o link sobre o Levain. Eu já tinha lido sobre isso e fiquei curiosa para saber se alguém utiliza em pizzaria. Eu acho muito complicado, aliás, a gente tem que ter um super cuidado com esse fermento para o bicho não morrer. Não sei se tenho memória ou paciência para ficar cuidando de mais um "bebê", rs. Mas com certeza deve agregar mais sabor ao pão. Quanto a pizza, ainda não li nada a respeito.

A PIZZARIA JA TOMA MUITO TEMPO....FICO COM O FERMENTO FRESCO E PRONTO....rsrsrsrsrsrs
Voltar ao Topo Ir em baixo
Celia Anahin



Feminino Mensagens: 48
Data de nascimento: 09/07/1961
Data de inscrição: 25/02/2013
Idade: 52
Localização - Cidade/Estado: Natal RN

MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Dom Mar 03, 2013 9:14 am

Nilson, com certeza farei o mesmo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Dom Mar 03, 2013 9:20 am

Celia Anahin escreveu:
Nilson, com certeza farei o mesmo.


CELIA.....VAI ECONOMIZAR MUITO TEMPO....rsrsrsrsrsrsrs
Voltar ao Topo Ir em baixo
Celia Anahin



Feminino Mensagens: 48
Data de nascimento: 09/07/1961
Data de inscrição: 25/02/2013
Idade: 52
Localização - Cidade/Estado: Natal RN

MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Dom Mar 03, 2013 10:10 am

kkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

Nilson, tempo e saúde mental, pois haja paciência para cuidar desse fermento. Apesar de que, não o descarto para produção de pães especiais, etc.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Seg Jun 24, 2013 2:15 pm


VAMOS COLABORAR...

De: Fabiano riopizzas
Para: Nilson da ToaToa
Postado em: Qui Jun 20, 2013 2:33 pm
Assunto: a receita que eu uso
1k farinha
30g açucar
15g sal
100g fermento fresco
500g agua
75g azeite
12g melhorador
poderia me dar a sua opinião por favor,pois vejo q em são paulo e outros estados a maioria das receitas usam pouco fermento,mais as pizzas em SP geralmente a massa e bem fina e crocante aqui no RJ as pessoas preferem uma massa + grossa e um pouco + maçia...

MEU AMIGO COMO INFORMEI A VC PELA MP VAMOS UTILIZAR ESTE ESPAÇO ABERTO, PARA VC TER MAIS QUE A MINHA OPINIÃO...OK...

FABIANO, NO MEU ENTENDER O FERMENTO COMO VC PODE LER NESTE TÓPICO ATÉ CONTRIBUI PARA A MACIES DA MASSA MAS O PRINCIPAL TRIBUTO É FAZER NOSSAS MASSAS CRESCEREM...ACREDITO QUE VC ESTEJA UTILIZANDO MUITO FERMENTO E A MASSA VAI FERMENTAR MUITO RÁPIDA...

AQUI NA PIZZARIA TOATOA 1 K DE FARINHA UTILIZO SOMENTE 15 GRAMAS DE FERMENTO FRESCO OU 5 GRAMAS DO SECO...

Voltar ao Topo Ir em baixo
Flávio Guimarães



Masculino Mensagens: 617
Data de nascimento: 30/04/1963
Data de inscrição: 22/04/2012
Idade: 50
Localização - Cidade/Estado: Porto Alegre - RS

MensagemAssunto: Re: DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO   Qui Ago 08, 2013 7:59 pm

Fermento Químico X fermento Biológico

O fermento é um ingrediente muito utilizado
na cozinha. Graças a ele, podemos provar alimentos macios, de digestão
fácil e sabor agradável.
Quando é adicionado à massa, ocorrem
vários processos (químicos ou biológicos), que acabam produzindo
compostos gasosos.
Esses gases expandem a massa dos pães e
bolos e dão origem a pequenos buracos, que a torna macia. A diferença
entre os fermentos químico e biológico está em sua composição: o químico
é constituído de bicarbonato de sódio (NaHCO3); e o biológico apresenta
um fungo do tipo levedura.
No fermento químico, as reações de
decomposição ocorrem quando o bicarbonato gera gás carbônico e água,
fazendo com que a massa aumente seu volume.
Essa reação é auxiliada pelo aumento de
temperatura e só cessa quando todo o fermento reage.
Já o fermento biológico, para reagir,
precisa de glicose, que alimenta a levedura: o fungo ingere a glicose, e
seu metabolismo a transforma em gás carbônico e álcool, que, com o
calor, expande a massa.
Porque o fermento biológico é formado
por um organismo vivo, as condições de produção da massa devem ser mais
controladas: a temperatura, por exemplo, precisa estar entre de 30 a
50°C — é por isso que deixamos a massa feita com fermento biológico
crescer antes de ser assada, enquanto a que é produzida com fermento
químico deve ir logo ao forno.

Fermentos Químicos
Os fermentos
químicos destinam-se a ser empregados no preparo de pães especiais,
broas, biscoitos, bolachas e produtos afins de confeitaria.

Fermento químico é o produto formado de
substância ou mistura de substâncias químicas que, pela influência do
calor e/ou umidade, produz desprendimento gasoso capaz de expandir
massas elaboradas com farinhas, amidos ou féculas, aumentando-lhes o
volume e a
porosidade.
É composto de Ácidos,Bicarbonatos,
Carbonatos, Dihidrogenos, etc. além de substâncias próprias para uso
alimentar, tais como: açúcares, farinhas, amidos, féculas, enzimas , etc.

No rótulo consta a seguinte
recomendação: "Conserve ao abrigo da umidade" ou "Conserve em ambiente
seco", ou expressões equivalentes, por isso não coloque na
Geladeira.

O que é fermento biológico?
Fermento
biológico ou levedura é um microorganismo vivo cuja denominação
científica é Saccharomyces cerevisiae.


Trata-se de um ingrediente
imprescindível na panificação, pois é o responsável pelo crescimento da
massa de pães e pizzas.
Qual a diferença entre
fermento químico e fermento biológico?

O Fermento Químico ( em pó) é o
responsável pelo crescimento das massas de bolo, que ocorre através de
uma reação química durante o forneamento.

Já o Fermento Biológico (tabletinho)
promove o crescimento das massas de pães através da fermentação que
ocorre antes do forneamento.

A levedura ingere os nutrientes da
massa e, como conseqüência, libera gases e substâncias aromáticas,
responsáveis pelo volume, textura, aroma e sabor característicos dos
pães.

Por este motivo é sempre necessário
deixar a massa descansar após sovar e antes de ir ao forno.
Fonte: Mariza Plácido - Bem Feitinho


Flávio Guimarães
________________________________________________________________________
Falando de Pizza no Facebook - clique Aqui ......... Soloforno - Forno Compacto - clique aqui
Voltar ao Topo Ir em baixo
 

DIFERENÇA ENTRE FERMENTOS BIOLÓGICO (FRESCO E SECO) E FERMENTO QUIMICO

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
FALANDO DE PIZZAS :: FÓRUM PIZZA E PIZZARIA :: Receitas, Massas, Molhos e Ingredientes-